sábado, abril 30, 2005


bye Xinha

Ferias...

Ontem foi o meu ultimo dia oficial no emprego....
O ideal, ao trocar de emprego, é tentar colocar 15 dias de intervalo de forma a poder-se gozar umas ferias e começar no novo emprego com a cabeça limpa e o corpo em forma. Assim o meu dilema era, se deveria fazer um turismo mais cultural ou se deveria ser praia pura e dura...
Como a apresentação é sempre importante, decidi-me por começar esta nova aventura laboral com um bronzeado de meter inveja.

2ª feira, vou de ferias. Deixo-vos algumas fotos do hotel, tentem adivinhar onde é.














Albatroz2

quinta-feira, abril 28, 2005

UM FANTASMA NA AREIA

O rosto fechado
a alma aberta
e assm viajo

O que procura não dorme, há um marinheiro naufragado a contar ondas e o que o mar traz à praia. Uma flor molhada e morta, à deriva na areia, o sal preso às mãos, sabem bem as pétalas salgadas. A sombra negra dos remos corta a lua. Uma canoa vazia de gente. Os espíritos dançam no vento. São viajantes. As noites dão-lhes um secreto sentido. Fazem lápides no pensamento. Cantam. A velha canção de piratas. Eu sou aquele que os vê e dirijo. A mim. Que venham até esta estátua de maresia. A pele branca e imortal. Braços abertos a apontar, um o caminho por onde o sol se foi, outro o dia que há-de vir.

Quem aqui chegar e ver entre pégadas e pássaros parados, uma sombra altiva a guiar as estrelas, há-de perceber que nada a pode salvar. Não há bondade no envelhecimento do tempo. A noite é negra e o silêncio iluminado, crescem chagas na areia. Os caranguejos dormem ao contrário. Escondem-se do sol. Saem em romaria, atarefados, tropeçam uns nos outros, procuram prodígios de Deus abandonados pelas águas em constante marulhar.

És estátua cheia de febre. E aqui o destino te prendeu, imóvel companheiro de bichos. És a tua própria lápide, já estás morto e sabes. Diz-to a maré e o teu pânico de pedra. Tudo o que (não)vês acontece fora de ti; tudo o que (não) ouves fala de ti. Um anjo de sexo e osso, em pedestal amarelo. A resistir aos avanços da geologia e mesmo que mintas, que negues a evidência das horas, hás-de teres um último dia, o fim da areia será o da tua vida.
EMANUEL BENTO

Soy paraguayo!

O NOIVO: - Hola! Soy paraguayo e estoy aqui para joder tu hija!
O PAI: Para qué?!!
O NOIVO: Guayo!


Albatroz2

Frutas...




Albatroz2

OS CINCO SEGREDOS PARA UM HOMEM SER FELIZ

1. É importante encontrar uma mulher que tenha um bom emprego

2. É importante encontrar uma mulher que nos faça rir

3. É importante encontrar uma mulher que seja responsável e não minta

4. É importante encontrar uma mulher boa na cama e que adore fazer sexo

5. É extremamente importante que estas quatro mulheres nunca se encontrem.


Albatroz2

Razão de viver...

Um sujeito foi demitido, perdeu a esposa e o carro e, por isso, resolveu suicidar-se.
Estava prestes a jogar-se do viaduto quando um mendigo lhe pergunta:
- O senhor vai-se matar?
- Vou. E nem tente impedir-me.
- De maneira nenhuma... mas já que o senhor se vai matar, não se importaria de me dar as suas roupas?
O sujeito concordou e despiu-se por completo.
O mendigo, olhando para o corpo nu do sujeito, e pergunta:
- Olhe, o senhor tem um cúzinho muito gostoso. Já que se vai matar e ninguém vai saber... deixe-me comê-lo?
Sem nada mais a perder, o sujeito concorda e deu o cú para o mendigo.
Depois do acto de panasquice consumado, o sujeito diz para o mendigo:
- Agora o senhor poderia devolver-me as minhas roupas?
- Mas o senhor já não se vai matar?
- Mudei de idéia... Descobri uma razão para viver!!!!


Albatroz2

Pensamento de gaja...

Os homens são como os pavimentos:
Se os montarmos bem... podemos pisá-los durante muitos anos!!


Albatroz2

quarta-feira, abril 27, 2005

ADITAS...



All Day I Think About Sex


bye Xinha


p.s. em género de adenda...

ADIDAS...




Albatroz2

O amor

O amor não é algo que te faz sair do chão e te transporta para lugares que nunca viste.
O nome disso é avião.
O amor é outra coisa.

O amor não é uma coisa que escondes dentro de ti e não mostras para ninguém.
Isso se chama vibrador tailandês de três velocidades.
O amor é outra coisa.

O amor não é uma coisa que te faz perder a respiração e a fala.
O nome disso é bronquite asmática.
O amor é outra coisa.

O amor não é uma coisa que chega de repente e te transforma em refém.
Isso se chama sequestrador.
O amor é outra coisa.

O amor não é uma coisa que voa alto no céu e deixa sua marca por onde passa.
Isso se chama pombo com caganeira.
O amor é outra coisa.

O amor não é uma coisa que tu podes prender ou deitar para fora de casa quando bem entenderes.
Isso se chama cachorro.
O amor é outra coisa.

O amor não é uma coisa que lançou uma luz sobre ti, te levou para ver estrelas e te trouxe de volta com algo dele dentro de ti.
Isso se chama alienígena.
O amor é outra coisa.

O amor não é uma coisa que desapareceu e que, se encontrado, poderia mudar o que está diante de ti.
Isso se chama controle remoto de TV.
O amor é outra coisa."

"O amor é simplesmente... o amor."

Desconheço o autor

terça-feira, abril 26, 2005



bye Xinha

Sogras...

O guarda manda o sujeito parar o carro.
- Seus documentos, por favor.
O senhor estava a 130 km/h e a velocidade máxima nesta estrada e 100.
- Não, seu guarda, eu estava a 100, com certeza. A sogra dele corrige:
- Ah, Chico, que e isso! Você estava a 130 ou mais!
O sujeito olha para a sogra com o rosto fervendo.
- E sua lanterna direita não esta funcionando...
- Minha lanterna? Nem sabia disso. Deve ter pifado na estrada...
A sogra insiste:
- Ah, Chico, que mentira! Você vem falando ha semanas que precisa consertar a lanterna!
O sujeito esta fulo e faz sinal a sogra para ficar quieta.
- E o senhor esta sem o cinto de segurança.
- Mas eu estava com ele. Eu só tirei para pegar os documentos!
- Ah, Chico, deixa disso! Você nunca usa o cinto!
O sujeito não se contem e grita para a sogra:
- CALA ESSA BOCA!
O guarda se inclina e pergunta a senhora:
- Ele sempre grita assim com a senhora?
Ela responde:
- Não, seu guarda. Só quando ele bebe.

Calor...




Albatroz2
Para um fim de semana é agradavel, para muito tempo torna-se monótono.
Desconfio que no Verão, com todos os hoteis cheios, deve ser insuportavel.




Albatroz2

Coragem...

O apresentador do circo anuncia:
Agora a mulher mais corajosa do mundo vai deitar-se numa jaula com o tigre e vai deixá-lo lambê-la inteirinha...
O tigre lambe a mulher e a plateia vibra...
- Há alguém com coragem de fazer o mesmo??? - Pergunta o apresentador
Um rapaz lá do fundo grita:
- Eu tenho!!! Mas tens é de tirar o tigre daí!!!


Albatroz2

segunda-feira, abril 25, 2005

Tribalismos

Para começar bem a semana!


bye Xinha

domingo, abril 24, 2005

A música na cabeça

"As mulheres são piores do que as víboras. Estas ao menos mostram os dentes e o veneno. As mulheres não, escondem sempre alguma coisa, têm sempre um trunfo na manga. Olha que sei o que digo. Tenho mulheres em casa e a minha mãe fala comigosobre estas coisas. Ela diz-me - e ela é mulher! - filho, nunca mergulhes de cabeça, põe sempre um pé atrás"!

(Há canções que nos perseguem. E nunca nos livramos delas. Agora ouço uma. Canta-a a capital do Tibete. Lhasa. Uma peruana que nem pertence ao SENDERO LUMINOSO. "MY NAME". Tenho-a ouvido loucamente. Já a sei de cor. A letra. Que é só letra. Os sons são chuva. O que piora tudo. Ninguém se esquece do som da chuva. Todos sonhamos com amor em dias de chuvas e quem o negar está a mentir. O Amor é líquido. Umas gotas de água no cabelo, uns lábios levemente molhados, as mãos alagadas na secura do corpo. E estamos perdidos de sonho. De amor).


(Já tive outras canções. É verdade. Com o tempo aprendemos a dominá-las. Cicatrizamos. A carne recupera, a alma procura a salvação em outros ritmos. Mas uma outra palavra viaja sempre com ela. Perdição.
Num tempo e nem era por amor. Era só mesmo dor. Dor elevada ao seu máximo. Dor que saia de mim e que voltava ainda mais forte do que havia saído. Num tempo ouvia Pinkk Floyd; Scorpions, Led Zeppelin e Madredeus.
Era um tempo de sombras e de terríveis prenúncios. Um tempo de incertezas. De espera. Um tempo que trazia a morte num número. Um tempo de clausura. Indefinida. Poderia ressuscitar ou não. E a música e as palavras faziam chorar. Ninguém via as lágrimas. Nunca as deixo que as vejam. Guardo-as nos óculos escuros. A roupa também era escura. As pessoas não falavam. E eu sonhava. Que nem elas nem eu existia. Sonhava ao som das músicas que ouvia. Debaixo da terra. Entre jornais que se abrem e se esquecem; entre olhares que não se olham, entre palavras que morrem na boca. Eu sonhava e a minha cabeça dançava)...


Não sei se ele existe. Sei que vive nesta rua onde me escondo. Fiz-lhe uma casa e uma família. Dei-lhe um pai e uma mãe. Irmãos e irmãs. Mas não lhes criei o direito á felicidade. Só deixei desgraças naquela casa. Um irmão paraplégico. Uma irmã enganada por uma sobrinha a viver debaixo do mesmo tecto. Outra sobrinha. Desaparecida. Longe da família. Dei-lhes nomes a todos. Até aos cães. E são tantos, pra que ladrem noite fora a importunar o silêncio. Uma avó. Uma igreja protestante ao lado. Desejos proibidos com Deus a assistir. Pássaros presos. Olhos a voar. Carne e ossos a sofrer. Árvores exóticas a alegrar alguns dias. Uma colecção de revistas pornográficas. Tânias. Ginas. Cláudias. Um homem sem saber o que é uma mulher anos a fio. Tudo isto e mais fiz àquela casa. Uma casa a poucos metros da minha. Todos incrivelmente disfuncionais. Ao pé deles os SIMPSONS são anjos na Terra. E talvez por tudo isto tenha sabido tão bem ter ouvido esta frase: Emanuel, uma mulher assim é o euromilhões do euromilhões...


Fomos tomar um café. Até fiquei espantado que atendesse. Raramente o vejo. Passo meses sem saber dele. E contudo a ficção mora logo ao lado. Basta descer uns metros. Atendeu. E aceitou o convite. Não precisamos de falar. Chega perfeitamente estar ao lado e nada dizer. Olhar. Quem sabe olhar, a si se vê. Seja no espelho ou nos gratuitos sorrisos que a noite traz. 3 ponchas e 3 uísques. Até chegar alguém e a carne se fazer palavras. Mas não queria ouvir. Apenas ver. Tudo o que ouvia era uma canção. Que toca agora, que toca amanhã e depois. Afinal, nada (mais) há do que a tristeza, tristeza que convém à minha imensa tristeza. Mais duma vez me pediu lume; mais duma vez me sorriu, mais duma vez a minha boca não se abriu. O gesto foi perfeito. O isqueiro levado à altura da boca, pra que os olhos não se baixem, pra que os olhos possam ver os outros que os vêm. Mecânico. Como se nada fosse ou contasse. A música. O músico. Os olás e os adeus(es). A cabeça far and away. O carro velho. A pizza e o vinho (alentejano). O último cigarro. A certeza de que quase todos já esqueceram o que é amar. E por isso, tão-poucos amam ainda. Como deve ser: com o coração nos olhos e na boca. E feliz de quem o tiver onde digo. Porque eu sei onde está o meu e onde quero que fique!
EMANUEL BENTO
PS: Acreditem que estou sóbrio!

sexta-feira, abril 22, 2005

CARTA A UMA (MÁGICA) PALAVRA!

Funchal, 22 de Abril de 2005,

Uma palavra. A primeira. Com ela tudo começa. Assoma à porta e chama as outras. Acena, grita, baila, canta, seduz, proibe, expulsa. Não há ideias em mim. Apenas palavras. Nomes. Divididos em categorias. Pequenos, médios e grandes. Conhecidas e desconhecidas. Inventadas e por inventar. Assim são as palavras. Assim me encantam elas.
Nunca penso no que escrevo. Vai-se fazendo. Umas vezes depressa,outras devagar. As palavras. Estas e todas. Respiram, ofegam, explodem, as palavras. Estas e todas as outras. As mortas e as vivas. Palavras, vagas, duvidosas. Precisas, específicas. Subtis, pesadas. Falsas, verdadeiras. Vãs, objectivas. Tristes, alegres. Palavras sem fim. Palavras dentro de palavras. Milhões de anos a falar. Os mortos ainda falam. Nas palavras. Os vivos já se sabem mortos. Nas palavras.
Palavras de amor, de ódio. Palavras cheias de tudo e de nada. Palavras cheias de mim e de ti.
Cada uma é infinita. Uma palavra é uma ilha, um continente, um satélite, planeta, uma estrela, uma galáxia, uma nebulosa, um universo (um buraco negro, que tudo devora).
As palavras são negras, brancas, azuis, amarelas, vermelhas, verdes, castanhas, cinzentas, mas apenas tu és VIOLETA...
Esta é a palavra mágica - onde tudo começa e acaba, CENTRÍPETA - nela assentei todas as outras; nela cumpro o meu destino: de nunca a esquecer, mesmo nos dias em que me ausento do mundo...
EMANUEL BENTO
PS: Porque sou um homem de palavra (e de palavras)...

À Cris...

Faz-me um favor, envia-me mais um pão de forma, que o meu está a acabar.


Albatroz2

PROFISSÃO " MÃE "

Ana foi renovar a sua carta de condução.
Pediram-lhe para informar qual era a sua profissão. Ela hesitou, sem saber bem como se classificar.
"O que eu pergunto é se tem um trabalho", insistiu o funcionário.
" Claro que tenho um trabalho", exclamou Ana. "Sou mãe".
"Nós não consideramos 'mãe' um trabalho. Vou colocar Dona de casa", disse o funcionário friamente. Não voltei a lembrar-me desta história até ao dia em que me encontrei em situação idêntica...A pessoa que me atendeu era obviamente uma funcionária de carreira, segura, eficiente, dona de um título sonante."Qual é a sua ocupação?" Perguntou. Não sei o que me fez dizer isto; as palavras simplesmente saltaram-me da boca para fora:"Sou Doutora em Desenvolvimento Infantil e em Relações Humanas."A funcionária fez uma pausa, a caneta de tinta permanente a apontar para o ar e olhou-me como quem diz que não ouviu bem...Eu repeti pausadamente, enfatizando as palavras mais significativas. Então reparei, maravilhada, como ela ia escrevendo, com tinta preta, no questionári o oficial.
Posso perguntar", disse-me ela com novo interesse, "o que faz exactamente?"Calmamente, sem qualquer traço de agitação na voz, ouvi-me responder:"Desenvolvo um programa a longo prazo (qualquer mãe faz isso), em laboratório e no campo (normalmente eu teria dito dentro e fora de casa),.sou responsável por uma equipa (a minha família) e já recebi quatro projectos (todas meninas). Trabalho em regime de dedicação exclusiva (alguma mulher discorda???), o grau de exigência é em nível de 14 horas por dia (para não dizer 24 horas). Houve um crescente tom de respeito na voz da funcionária que acabou de preencher o formulário, se levantou e pessoalmente foi abrir-me a porta.
Quando cheguei a casa, com o título da minha carreira erguido, fui recebida pela minha equipa: - uma com 13 anos, outra com 7 e outra com 3, do andar de cima, pude ouvir o meu mais recente projecto (um bebé de seis meses), a testar uma nova tonalidade de voz.
Senti-me triunfante. Maternidade... que carreira gloriosa!
Assim, as avós deviam ser chamadas "Doutora-Sénior em Desenvolvimento Infantil e em Relações Humanas".
As bisavós: "Doutora- Executiva-Sénior".
E as tias: "Doutora - Assistente".
Mande isto às mães, avós, bisavós e tias que conheça.
Uma homenagem carinhosa a todas as mulheres, mães, esposas, amigas e companheiras. Doutoras na Arte de fazer a vida melhor !!

Fonte: Recebido por email


Albatroz2

Inferno vermelho....




Albatroz2

Portista...

A filha volta para casa muitos anos depois de ter ido embora. O seu pai, furioso, quando a vê descarrega:
- Onde estiveste durante este tempo todo, sua desgraçada?
Porque nem sequer escreveste uma carta ou um telefonema a dizer como estavas?
Vagabunda! Não sabes como a tua mãe tem sofrido por tua causa?
A rapariga, a chorar:
- Snif. Snif. Tornei-me prostituta...
- O quê????? Fora daqui, sua desavergonhada, má filha, pecadora!
- Está bem, papá, como queira. Eu somente voltei para dar este casaco de pele de crocodilo e as escrituras da minha mansão para a mãe; uma conta poupança de 5 milhões para o meu irmãozinho e para ti, paizinho, este Rolex, o BMW que está na porta e 3 meses por ano de férias vitalícias no Club Med....
- Filhinha, anda cá, disseste que te tinhas tornado o quê, mesmo?
- Prostituta...
- Ahhh, que susto! Eu tinha percebido Portista.


Albatroz2

Remédios caseiros

O médico, depois de ver a história clínica do paciente, pergunta:
- Fuma ?
- Pouco.
- Faz bem. Quanto menos melhor.
- Bebe ?
- Pouco.
- Ainda bem.
- Pratica desporto ?
- Não posso. Tenho lesões antigas.
- Pois, é pena.
- E sexo, pratica com frequência ?
- Muito pouco.
- Isso é que não pode ser. Se não pratica desporto, deve compensar fazendo muito sexo. Vá para casa e pense bem nisso ...
Ele vai para casa, conta à mulher o que o médico lhe disse e, de seguida, vai tomar um banho. A mulher, esperançosa, enfeita-se, perfuma-se, põe o seu melhor baby-doll e fica à espera dele, numa pose toda provocante.
Ele sai do banho, perfuma-se cuidadosamente, começa a vestir-se e a mulher, surpreendida, pergunta:
- Aonde é que vais ?
- Não ouviste o que o médico me disse ?
- Sim, por isso mesmo estou aqui, já prontinha para ... tu sabes !...
Então, ele responde:
- Ah, Francisca, Francisca ! Lá estás tu outra vez com a mania dos remédios
caseiros ...


Albatroz2

quinta-feira, abril 21, 2005

O fim-de-semana está a chegar...



bye Xinha

E agora?

Daily Stress...




Albatroz2

Respeitinho...




Albatroz2

É sempre assim...




Albatroz2

Albatrozzzzzzzzz....

Ontem estava numa esplanada na praia e sinceramente, parecia que as ondas chamavam-me...




Albatroz2

quarta-feira, abril 20, 2005

Boa noite...

Anoche el Amor entró en mis sueños... y ya amanecia


Albatroz2

Frase do dia...

"Na minha época, as meninas iam lá em casa, faziam de tudo e casavam virgens."
Roberto Marinho



Albatroz2

Humor negro 2




Albatroz2

Humor negro 1




Albatroz2

Modernices nos cemitérios...




Albatroz2
O indivíduo chega em casa de mansinho e olhando pelo buraco da fechadura do
quarto, vê a mulher dele na cama com outro...
Tirou o revólver da cintura, armou o gatilho e então já ia entrando no
quarto e metendo bala nos dois, quando parou para pensar e foi percebendo como a sua vida de casado havia melhorado nos últimos tempos. A esposa já não pedia dinheiro pra nada, nem para comprar vestidos, jóias e sapatos, apesar de todos os dias aparecer com um vestido novo, uma jóia nova ou uma sandalinha da moda. Os meninos mudaram da escola pública do bairro para um colégio super chique. Sem contar que a mulher trocou de carro, apesar dele estar há quatro anos sem aumento e ter cortado a mesada dela. E o supermercado então nem se fala, eles nunca tiveram tanta fartura como nos últimos meses. E as contas de luz, água, telefone, internet, telemovel e cartão de crédito fazia tempo que ele nem ouvia falar delas. E a mulher era mesmo um avião, uma mistura de tiazinha com Vera Fisher, temperada no caldo da Feiticeira.
Coisa de louco.
Guardou a arma na cintura e foi saindo devagar, para não atrapalhar os dois.
Parou na porta da sala e disse pra si mesmo:
O cara paga o aluguel, o supermercado, a escola das crianças, as contas da
casa, o carro, o shopping, todas as despesas e eu ainda vou para cama com ela todos os dias...
E fechando a porta atrás de si, concluiu:
PORRA! O CORNO É ELE !

Caras da semana...




Albatroz2

Guiness Book

A Bela Adormecida, o Pequeno Polegar e o Corcunda de Notre Damme foram até a fundação Guiness pleiteando os títulos respectivos de "a menina mais linda do mundo", "o menor menino do mundo" e "a criatura mais horrenda da face da terra".
Ao sairem de lá, a Bela Adormecida disse:
- Agora é oficial: eu sou a menina mais linda do mundo!
O Pequeno Polegar falou:
- Também é oficial: eu sou o menor menino do mundo!
O Corcunda de Notre Damme perguntou:
- Quem é Camilla Parker Bowles???


Albatroz2

terça-feira, abril 19, 2005

Inside the Ice Cave...


... or not

bye Xinha

Profissão dificil...




Albatroz2

É mesmo Portuga....



Albatroz2

Aqui estou eu!

Pois é ...convidaram-me! Agora aguentem...

Hoje de manhã acordei com uma sensação esquisita na minha conchinha...tipo uma comiçhão...
Não tive meias medidas...como o vibrador avariou ( tal não é o uso) lembrei-me...e que tal uma cenoura??!!
E pronto agarrei na cenoura coloquei-lhe um preservativo e voilá...fiquei ali até que a vontade louca de estar com alguém passasse ( isto de não ter gaijo anda a dar-me volta á cabeça)...
No final fui tomar banho, vesti-me, peguei no carro e vim a comer a cenoura pelo caminho
Que belo pequeno almoço!!
Tenham um óptimo dia.
Este blog, tem um racio homens/mulheres desiquilibrado.
Ao contrario da politica, aqui, as mulheres já são em maior numero e ainda bem!. E digo mais, são todas pessoas espectaculares, bem dispostas e com um sentido de humor fabuloso.


Albatroz2

segunda-feira, abril 18, 2005

Estou aqui, também! Fui gentilmente convidada pelo Albatroz e aceitei, para desgraça dele e do 100stress. Seja o que os deuses quiserem.

Punks...

Um velhinho senta-se num banco do autocarro de frente para um punk de cabelo comprido com mechas verdes, azuis, rosa e vermelhas.
O velhinho fica olhando para o punk e o punk olhando para o velho.
O punk vai ficando meio irritado... e então pergunta ao velhinho:
- O que foi, avô? Nunca fez nada diferente quando era jovem?
O velhinho responde:
- Sim, fiz. Quando era jovem fiz sexo com uma arara e estou aqui a pensar:
Será que este parvalhão é meu filho ?


Albatroz2

Punks...

Um velhinho senta-se num banco do autocarro de frente para um punk de cabelo comprido com mechas verdes, azuis, rosa e vermelhas.
O velhinho fica olhando para o punk e o punk olhando para o velho.
O punk vai ficando meio irritado... e então pergunta ao velhinho:
- O que foi, avô? Nunca fez nada diferente quando era jovem?
O velhinho responde:
- Sim, fiz. Quando era jovem fiz sexo com uma arara e estou aqui a pensar:
Será que este parvalhão é meu filho ?


Albatroz2

O Joãozinho...

Numa aula de Ciências do 6º ano o professor inicia uma experiência:
4 lombrigas são colocadas em quatro tubos de ensaio separados:
a primeira lombriga em alcool,a segunda lombriga em fumo de cigarro, a terceira em esperma e a quarta em terra natural.
No dia seguinte o professor mostra aos alunos o resultado: A primeira lombriga, em alcool, está morta; a segunda no fumo do cigarro, está morta; a terceira em esperma, está morta; a quarta em terra natural, está viva. O professor comenta que é bastante nítido o que é prejudicial e pergunta à classe:
"O que podemos aprender desta experiência?"
Responde imediatamente o Joãozinho: "Temos de beber, fumar e foder em abundância para não termos lombrigas!"


Albatroz2

O sucessor do Batman

Chama-se Batmanel




Albatroz2

O fim de um ciclo.

Há vida após o Zoo (empresa).
Vou deixar de me enjoar ao ouvir a voz do boi pintas, do meu colega dromedário, dos ursos, cabras, vacas e outros animais.

Vou passar a trabalhar mais longe de casa, numa outra empresa que eu espero não se transforme num zoo.

Isso implicará menos tempo livre para o blog, mas o mesmo gozo qdo puder vir cá escrever....entretanto ando a procurar as vitimas para entrarem na equipa de loucos do 100stress.

Como já perceberam, este é um daqueles poucos posts pessoais que coloco aqui, e este implica que mudei de emprego.....entro num novo ciclo do qual ainda sei mto pouco. Ainda não consigo imaginar qto tempo terei disponivel, qto tempo estarei online e se continuarei a estar disponivel via MSN ou não.

Como em todos os ciclos que começam, as incertezas são sempre maiores que as certezas...irei dando noticias.

Albatroz2

A minha vida vai mudar radicalmente...

Eu não sei, se vou ficar bem assim...
Eu só sei, aquilo que é, melhor para mim...

Fonte: Expensive Soul


Albatroz2

Nunca mais é sexta...



bye Xinha

domingo, abril 17, 2005

Gostei...

" As pessoas pensam pouco pela sua cabeça. Tendem a pensar como o líder mais carismático da sua época lhes diz para pensar."
Fonte: Inês Pedrosa, jornalista e escritora


Por acaso n acho que seja ao líder + carismático....um qq "opinion maker" serve (e hoje em dia há demasiados).

Albatroz2

sexta-feira, abril 15, 2005

Foto espectacular




Albatroz2

Desespero...




Albatroz2

Pensamentos...

A glória apenas é um bem quando somos dignos dela."
George-Louis Leclerc de Buffon, escritor francês (1707-1788)

"O fraco nunca perdoa. O perdão é a característica do forte."
Mohandas Gandhi, líder espiritual indiano (1869-1948)

"A ignorância é a mãe de todos os males."
François rabelais, escritor francês (1494-1553)

"Como foi a imaginação que criou o mundo, ela governa-o."
Charles Baudelaire, poeta francês (1821-1867)

"As ideias de ontem fazem os costumes de amanhã."
Anatole France, escritor francês (1844-1924)

"Quem acende uma luz é o primeiro a beneficiar da caridade."
Gilbert Keith Chesterton, escritor inglês (1874-1936)


Albatroz2

Sabia que?

O rato do computador foi criado pelo americano Douglas Engelbart, em 1968. A sua primeira versão era feita de madeira, movia-se sobre pequenas rodas e tinha apenas um botão.

Hipócrates, sábio da Grécia, que viveu no ano IV a.c., é considerado o Pai da Medicina. O nome é associado ao juramento que os médicos fazem quando se formam.

Um sonho comum dura de 10 a 40 minutos. Algumas pessoas pensam que não sonham, mas não é verdade. Elas apenas não se recordam, porque para nos lembrarmos de um sonho temos de acordar no momento em que ele acontece.

A primeira ligação telefónica internacional foi feita a 25 de Dezembro de 1900, numa experiência para determinar se a voz humana seria levada por cabos usados para telégrafos, entre Key West, nos EUA, e Havana, em Cuba.


Albatroz2

O jogo da vida...

O General Mac Arthur teve a oportunidade de se pronunciar a respeito das fases da vida e fê-lo nos seguintes termos:
"A juventude não é um período da vida. É um estado de espírito, um efeito da vontade, uma qualidade da imaginação. É uma intensidade emotiva, uma vitória da coragem sobre a timidez, do gosto da aventura sobre o amor ao conforto.
Não é por termos vivido um certo número de anos que envelhecemos. Envelhecemos porque abandonamos o nosso ideal. Os anos enrugam o rosto. Renunciar ao ideal enruga a alma.
As preocupações, as dúvidas, os temores e os desesperos são os inimigos que lentamente nos inclinam para a terra e nos tornam pó antes da morte.
Jovem é aquele que se admira, que se maravilha e pergunta, como a criança insaciável: e depois?
É aquele que desafia os acontecimentos e encontra alegria no jogo da vida.


Albatroz2

Pensamento do dia

Sabes o que é a Meia Idade?
É a altura da vida em que o trabalho já não dá prazer e o prazer começa a dar trabalho!!!


Albatroz2

quinta-feira, abril 14, 2005

Elogios...

A mulher olha-se no espelho e diz ao marido:
- Estou tão feia, gorda e acabada! Preciso de um elogio...
E o marido responde:
- A tua visão está óptima!!!!


Albatroz2

Peixinho da sorte...




Albatroz2

Sugestão para o almoço...




Albatroz2

quarta-feira, abril 13, 2005

Amor...

Um homem de idade já bem avançada foi a uma Clínica, para fazer um curativo na mão ferida.
Estava apressado, dizendo-se atrasado para um compromisso, e enquanto o tratava, a enfermeira perguntou-lhe sobre qual o motivo da pressa.
Ele me disse que precisava ir a um asilo de idosos para, como sempre, tomar o café da manhã com sua mulher que estava internada lá.
Disse-lhe que ela já estava lá há algum tempo porque tinha sofria de Alzeimer num estado bastante avançado.
Enquanto acabava de lhe fazer o curativo, a enfermeira perguntou se ela não se
alarmaria pelo fato de ele estar chegando mais tarde.
- Não, ele disse. Ela já não sabe quem eu sou. Há quase cinco anos que não me reconhece.
Estranhando, enfermeira perguntou:
- Mas se ela já não sabe quem o senhor é, porque essa necessidade de estar com ela todas as manhãs?
Ele sorriu e disse:
- É. Ela não sabe quem eu sou, mas eu, contudo, sei muito bem quem é ela.


Albatroz2

terça-feira, abril 12, 2005

Percepções e expectativas...

Este post é dedicado a alguem, por causa de uma conversa sobre a gestão de expectativas e a percepção das mesmas.




Albatroz2

Achados e perdidos...




Albatroz2

Radical...

É a ultima moda no tratamento agressivo à Sinusite e Renite alergica.




Albatroz2

segunda-feira, abril 11, 2005

Porque hoje é 2ª feira



Em silencio olho para baixo e penso se ainda tenho forças para mais uma semana.
A sombra fala-me de contas...e diz que faltam 5 dias para o proximo fim de semana.
- 5 dias é uma eternidade....
- Amanhã só faltam 4, diz a sombra preocupada....
- Só que 4 ainda é muito tempo.....
Em desespero de causa, a sombra diz, faltam 2 dias, para faltarem 3 para o fim de semana.
- 2 dias é suportavel e 3 dias não é mto tempo.

Boa Semana

Albatroz2

Dedicado ao Boi do Zoo




Albatroz2

Loira das arábias...




Albatroz2

domingo, abril 10, 2005

Para começar bem a semana...



bye Xinha

Du iu spiquinglich?

Apeteceu-me :P


Albatroz2

Esplanadas...

Quem me conhece, sabe que eu adoro o mar...
Sempre que posso, vou à praia, adoro ouvir as ondas, ver o mar e estar numa esplanada a ler uma revista ou um jornal.

No Sabado, concentrei-me no Expresso e nas revistas Sabado e Mais Valia.

Hoje, tinha pela frente o Courrier Internacional e as revistas Visão e Prémio.
Hoje até fui mais cedo para a praia...umas 11 am, li de manhã o Courrier, almocei no primeiro andar de um restaurante lá na praia (lombinhos de cherne com molho de marisco, duas bejecas e um cafezito)...à tarde, debrucei-me sobre a Visão e a Prémio.

Escrevo este post a ouvir o AM-FM dos The Gift.

Albatroz2

sábado, abril 09, 2005

Foi hoje!!!

Há uns 2 anos que a torneira da cozinha pingava.
Já se tinham substituido umas borrachitas mas aquela treta cada vez que se utilizava pingava e bem... já tinha uma caixinha de gelado por baixo e tudo para ir amparando os pingos...
Hoje, Sabado 09 de Abril, dirigi-me a um Brick Center, com a torneira desmontada, troquei umas tretas que estão dentro das torneiras (se n tou em erro chamam aquilo canhões - €3,90 cada), e depois de alguns palavrões e de uma luta com a porcaria da torneira, mostrei que sou o homem lá de casa.

Hoje a torneira já não pinga.


Albatroz2

sexta-feira, abril 08, 2005

O Vinho e o Leite

No frigorífico, um copo de vinho começa a insultar um copo de leite:
- Ó branquelo! Tás muito branco! Não tens vergonha dessa cor desbotada?
Vai apanhar sol, faz bem à saúde!
E o leite, já fulo da vida responde:
- Olha só quem vem falar de saúde? Logo tu que prejudicas a saúde das pessoas! Atacas o fígado, embriagas! Só fazes mal às pessoas....
Mas o copo de vinho não se deu por vencido e respondeu:
- Tá certo! Tudo o que disseste é verdade! Agora só há um pormenorzinho!
- E qual é?
- Bem, a minha mãe é uma uva... e a tua ???


Albatroz2

Na porta do meu gabinete...



Um dia destes, conto-vos os "brinquedos" que tenho dentro do escritorio.


Albatroz2

E porque isto é um blog moderno...



Albatroz2

Modernices...




Albatroz2

Agora vou ao café...

Coloco os posts mais tarde.

Até já


Albatroz2

quinta-feira, abril 07, 2005

Modernices....



Albatroz2

É realmente tudo uma questão de tempo...




Albatroz2

Falta-me tempo!

Falta-me o tempo...
aquele que ecoa entre as quatro paredes
das velhas capelas,
aquele que ficou perpectuado
pelas palavras que só o vento carrega na boca!

Já me faltam os dias,
que ás vezes parecem anos,
para ser um sorriso real...
E as horas que não passam neste relógio surreal!

É esta vida rodaviva
que nos faz querer andar ao contrário do relógio...
viver no passado
e ter por certo ,
o mais certo,
ante um futuro incerto!

È tudo uma questão de tempo!..
ou de relógio!

Eu comprei o meu na loja do chinês...
daqueles bem baratos!
E para meu espanto,
e talves alento,
os seus ponteiros andam ao contrário!

No fundo é tudo uma questão de tempo!
Ou de não se ter relógio!...

Rafaela

Pensamentos...

"Um arqueólogo é o melhor marido que uma mulher pode ter pois quanto mais velha fica, mais interessado ele fica também."
AGATHA C.

"A arrogância num pobre é como uma sela numa vaca."
Autor: Desconhecido

"Faça sempre o bem; isso contentará algumas pessoas e deixará as demais perplexas!"
Autor: Desconhecido

"Somos o que fazemos, mas somos, principalmente, o que fazemos para mudar o que somos!"
Autor: Eduardo Galeano

"A beneficência é sobretudo um vício do orgulho e não uma virtude da alma."
MARQUÊS DE SADE, escritor francês (1740-1814)

"O futuro permanece escondido até dos homens que o fazem."
ANATOLE FRANCE,escritor francês (1844-1924)


Albatroz2

Sabia que?

O primeiro computador surgiu em 1941 e chamava-se Z3. Foi construído por alemães e tinha como função a codificação de mensagens.


Albatroz2

quarta-feira, abril 06, 2005

Brincadeira

Sem palavras...

O pôr do Sol no Pólo Norte.




Albatroz2

Acontece...




Albatroz2

Quentes e boas...

Atendimento com pré marcação.




Albatroz2